Salas lotadas e a Educação Estadual Paulista

Salas de aula super lotadas, algumas com até 85 alunos. Longe de ser um problema de “adaptação” como defende a Secretaria Estadual, isso é claramente resultado de um corte de gastos na Educação feito sem qualquer aviso pelo Governo do Estado de São Paulo, que fechou cerca de 3.000 salas de aula entre 2014 e 2015, de acordo com a Apeoesp.

O Partido Pirata, além de ser contra essa falta de transparência na gestão do Estado, é contra essa gestão “produtivista” na Educação, em que pratica o corte de salas e professores como se cortasse custos na gestão de uma fábrica.

Como diz o nosso programa “Tendo a convicção de que educação vai para muito além dos limites das instituições educacionais, defendemos a experimentação de processos de ensino-aprendizagem descentralizados e livres. Nós Piratas apoiamos a difusão de Hacklabs e Hackerspaces e outras iniciativas similares enquanto meios colaborativos e experimentais de aprendizagem e promoção de conhecimento.” http://goo.gl/PVHOmX

Veja mais informações aqui: http://goo.gl/4pZU8C

5448226528_823a977885_z


Leave a Reply

More informationens

PIRATAS-SP no Facebook